segunda-feira, 18 de agosto de 2008

Linha

"Mas é sempre a mesma história
Depois do primeiro assombro
Logo o corpo fica farto"

Sérgio Godinho, Balada da Rita

1 comentário:

  1. Dá-lhe tempo, deixa-o voltar. É que às vezes voltam como os comboios perdidos; com outro nome mas voltam.
    É só esperar.

    Ou então, como diz a Maria Teresa Horta:
    Despir os anjos
    um por um
    passando-lhes a língua...

    ResponderEliminar